O Portal do Norte do Paraná
Região

Com 674 casos confirmados, Arapongas declara epidemia de dengue

O município de Arapongas, no norte do Paraná, entrou em epidemia de dengue. Último informe epidemiológico divulgado pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) na terça-feira (12), trouxe 1.945 notificações, sendo 674 casos positivos de dengue (609 autóctones e 70 importados), 65 em investigação,1,2 mil negativos e um óbito. O município foi o último da área da 16ª Regional de Saúde a entrar em epidemia da doença.

Coordenador do Controle de Endemias, Valdecir Pardini, reitera sobre as ações de combate ao mosquito, com uma força-tarefa intensificada. “Estamos intensificando as nossas frentes de trabalho contra a dengue. Seguimos com atuações em limpezas em fundos de vale, terrenos baldios, fiscalizações e outras intervenções. Reforçamos para que a população continue nos ajudando. Os números têm aumentado de maneira significativa. Precisamos de ação e muita união nesse momento”, pontua.

No último dia 6, o prefeito de Arapongas, Sérgio Onofre, convocou servidores municipais de todas as secretarias para uma intensa ação de combate à dengue. Divididas em grupos e coordenadas por agentes de combate às endemias (ACE’s), as equipes percorrem locais estratégicos do município, entre eles aqueles com alta incidência de acúmulo de lixo. As ações seguem em execução.

ATENDIMENTO AMPLIADO

Como forma de atender a alta demanda e desafogar o fluxo de pessoas na UPA e no 24 Horas Alberto Esper Kallas, a Prefeitura de Arapongas, por meio da Secretaria de Saúde, passa a partir desta quarta-feira (13), a ampliar os locais de atendimentos direcionados aos pacientes que apresentam sintomas ou que estejam positivos para dengue. Ao todo, 12 Unidades Básicas de Saúde (UBS’s) darão o suporte exclusivo, de segunda a sexta-feira, sempre no período da tarde: das 13h às 17h. Tal medida visa diminuir em 30% o movimento nos Pronto Atendimentos 24 Horas nos casos relacionados à dengue, priorizando a os atendimentos de urgência e emergência.

“Com a crescente nos casos, a nossa rede da Atenção Básica vem para dar todo o suporte. Nossas UBS terão um período exclusivo para verificar os casos suspeitos e também monitoramento dos casos já confirmados. O paciente ainda pode procurar os Pronto Atendimentos 24 Horas, mas as UBS’s mais próximas estão preparadas para atender esses pacientes”, orienta o secretário de Saúde, Moacir Paludetto Jr. Ele ainda acrescenta que as demais UBS disponibilizarão diariamente de quatro a oito vagas para pacientes com quadro suspeito ou confirmados. “Isso dá maior celeridade no atendimento. Evitando longas demoras”, incluiu Paludetto. A medida de ampliação desses atendimentos nas UBS segue até o dia 15 de abril, podendo ser prorrogada de acordo com os boletins epidemiológicos emitidos por meio do Controle de Endemias.

DIA D NAS ESCOLAS

Como uma forma de envolver toda a sociedade, a Secretaria de Saúde e Secretaria de Educação irão desenvolver atividades do dia “D” de combate à dengue em todas as Escolas Municipais. O primeiro encontro será nesta quinta-feira, 14, às 15h, na Escola Municipal Getúlio Vargas, na Vila Sampaio. 

As UBS com período de atendimentos exclusivos para avaliação dos casos suspeitos ou confirmados de Dengue (Das 13h às 17h)

Com informações de TN Online

MAIS INFORMAÇÕES NA RÁDIO COBRA FM 107.1

Postagens relacionadas

PROCON-LD aponta aumento de preço de combustíveis em Londrina

Fatalidade; jovem morre após sofrer infarto em boate de Londrina

Covid-19: Londrina abre agendamento para vacinação com a dose de reforço em adolescentes

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais