O Portal do Norte do Paraná
Região

Polícia conclui inquérito de advogado encontrado carbonizado em Londrina

A investigação conduzida pela Polícia Civil (PC) foi concluída em relação ao caso do advogado Adriano Aparecido Allio, cujo corpo foi descoberto carbonizado em Londrina, no norte do Paraná, em outubro do ano anterior. O motivo do crime teria sido uma disputa envolvendo a quantia de R$ 300 mil, e um casal está sob acusação pelo ocorrido.

De acordo com os detalhes apurados pelo jornalista Weslley Lemos, da RICtv, a polícia sustenta que Adriano foi agredido e amarrado antes de ser colocado dentro do veículo. Os suspeitos então incendiaram o carro com a vítima dentro e empreenderam fuga.

Adriano teria tido um relacionamento com a mulher em 2014, e ela estava reivindicando o pagamento de pensões atrasadas para um filho que alegava ser dele. No entanto, a suspeita negou qualquer envolvimento no crime, e sua detenção foi alterada para o uso de tornozeleira eletrônica pela defesa. Já o companheiro dela foi detido em Santa Catarina.

MAIS INFORMAÇÕES NA RÁDIO COBRA FM 107.1

Postagens relacionadas

Hospital Regional completa 500 pacientes recuperados da Covid-19

Secretaria de Saúde de Arapongas realiza atividades especiais no Mês da Mulher

Prefeitura de Cambé prorroga Refis por mais três meses

Cobra News (User)

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais