O Portal do Norte do Paraná
Entretenimento

Globo sofreu censura após estrear primeira novela diária há 59 anos

Ilusões Perdidas estreava nas telinhas há 59 anos como primeira novela diária da TV Globo. Na época, a emissora sofreu censura após lançar o folhetim, que contou com atores que fizeram história na televisão. Relembre o que aconteceu durante exibição da trama.

Em 26 de abril de 1965, a novela Ilusões Perdidas foi lançada pela TV Globo de São Paulo, antiga TV Paulista, que tinha acabado de ser comprada por Roberto Marinho. O empresário inaugurava sua emissora e teve estreia da primeira novela diária da rede com o folhetim.

Com a exibição programada para 19h30, a trama teve o horário trocado após três dias do lançamento por conta da censura do Regime Militar. “A fim de atender a determinações da Censura, a novela Ilusões Perdidas, que era apresentada diariamente às 19h30 pela TV Globo, teve seu horário transferido, em caráter permanente, para às 22 horas, de segunda a sexta-feira”, informou o jornal O Globo, na época.

Estrelada por Leila Diniz e Reginaldo Faria, que interpretavam par romântico, a novela marcou a estreia de grande nomes na Globo, como Mírian Pires, Norma Blum, Osmar Prado e Emiliano Queiroz. Na trama, Leila Diniz vivia a vilã da história, enquanto Osmar Prado assumiu o papel de irmão da personagem.

Com informações:CONTIGO!

MAIS INFORMAÇÕES NA RÁDIO COBRA FM 107.1

Postagens relacionadas

Polícia ouve a mãe de Jéssica, jovem que morreu após fake news que envolveram Whindersson

Cobra News (User)

Empresário condenado a pagar R$ 30 mil por difamar Xuxa pode ser preso

Cobra News (User)

Zezé Di Camargo ‘faz biscoito’ nas redes e critica quem não tem corpo sarado aos 60

Cobra News (User)

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais