O Portal do Norte do Paraná
Brasil

Familiares defendem mulher que levou corpo do tio ao banco: “Tem transtornos psiquiátricos”

Familiares de Erika de Souza Vieira Nunes a defendem e negam as suspeitas sobre ela. A mulher foi presa em flagrante por tentativa de furto mediante fraude e vilipêndio de cadáver, após levar seu tio, Paulo Roberto Braga, o Tio Paulo, já morto, para sacar um empréstimo de R$ 17 mil em um banco no Rio de Janeiro.

Segundo reportagem do Fantástico exibida na noite deste domingo (21/4), Lucas Nunes do Santos, filho de Erika, diz que a mãe fez tratamento para curar transtornos psiquiátricos. “A minha mãe vem passando por momentos difíceis, ela tem acompanhamento psicológico. Esse remédio (que ela toma) causava alucinações”, afirmou.

A reportagem mostrou relatórios médicos de psiquiatras que atenderam Erika. Um deles, que a atendeu em 2022, pede internação psiquiátrica e diz que ela é dependente de sedativos e tem quadro de depressão, pensamentos suicidas e alucinações auditivas.

Lucas ainda afirmou que a mãe sempre cuidou bem dos seis filhos. “A minha mãe nunca precisou roubar, enganar ninguém para isso. Ela encaminhou os filhos para a vida, e encaminhou muito bem, nos ensinando o caminho dos estudos, o caminho do que é correto. A nossa mãe sempre foi nossa inspiração”, disse.

O delegado Fábio Souza, responsável pelo caso, discorda da inocência da suspeita. “Uma pessoa com problemas psiquiátricos, ela pode não entender que o tio está morto, mas certamente ela não iria entender que tinha que pegar o dinheiro. Uma pessoa não pode ter uma consciência seletiva”, afirmou.

A advogada da suspeita, Ana Carla de Souza Correa, argumenta que ela estava em estado de negação de que o tio estivesse morto, e por isso agiu normalmente, sem que ele respondesse. Os familiares também enviaram à Justiça um comprovante de que o empréstimo foi solicitado por Paulo Roberto no dia 25 de março.

Fonte: Portal Leo Dias

Imagem: Reprodução/ TV Globo

MAIS INFORMAÇÕES NA RÁDIO COBRA FM 107.1

Postagens relacionadas

Assassino de chacina em Sinop (MT) se entrega à polícia

Cobra News (User)

Senado aprova projeto que limita ICMS sobre combustíveis, conta de luz, comunicações e transportes

Paulinha Abelha, da Calcinha Preta, morre aos 43 anos após internação por problemas renais

Cobra News (User)

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais