O Portal do Norte do Paraná
Política

Londrina conclui trecho de asfalto na avenida Castelo Branco e garante mais segurança aos motoristas

Parte do programa permanente de revitalização da malha viária da cidade, mantido pela Prefeitura de Londrina, as obras de recuperação asfáltica de um trecho de 2 km da avenida Castelo Branco melhoraram as condições de tráfego nos trajetos entre a avenida Maringá e a rotatória com a rua da Paz, próximo à UEL.

Os trabalhos, todos já concluídos, recentemente, foram realizados em etapas e momentos distintos, mesclando diferentes modalidades de restauração de pista. A execução foi feita pela empresa contratada Pizzo Engenharia.

O trecho renovado também recebeu nova sinalização viárias com pintura feita pela Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU).

Foto: Emerson Dias/ NCom

A primeira parte do asfalto foi realizada desde a avenida Maringá, descendo no sentido UEL até o limite das ruas Foz do Iguaçu e Vicente de Carvalho, totalizando cerca de 700 metros de extensão.

A partir desse local, a continuação do trajeto, de cerca de 1,3 km, até a rotatória com a rua da Paz teve um tratamento de asfalto ainda mais robusto e sólido, combinando uma aplicação com reperfilagem inicial e outra camada complementar de micropavimento.

No total, a empresa terceirizada utilizou 1.320 toneladas, aproximadamente, de massa asfáltica nas operações que realizou ao longo dos 2 km de extensão. Com pista renovada, os milhares de motoristas que transitam diariamente pela avenida Castelo Branco passam a contar com uma estrutura viária de maior qualidade, obtendo mais segurança e conforto para dirigir.

Esta obra compõe um conjunto amplo de quase 30 vias que a Prefeitura de Londrina revitalizou nos últimos meses, incluindo toda a extensão da avenida Maringá e ruas de vários bairros da região oeste próximas dessa importante via. O pacote contemplou bairros como os jardins Presidente, Bancários, Andrade, Campo Belo, Palermo, Sumaré, San Remo e Champagnat.

Para promover todas as melhorias foram utilizados recursos municipais via Financiamento à Infraestrutura e ao Saneamento voltado ao Setor Público (Finisa), celebrado pelo Município junto à Caixa Econômica Federal.

Por meio desse modelo de financiamento, a Prefeitura obteve R$ 100 milhões para fazer ações por toda a cidade, incluindo recapes, reperfilagens, implantações de micropavimentação, construção de obras de infraestrutura e trabalhos de regularização fundiária.

MAIS INFORMAÇÕES NA RÁDIO FM 107.1

Informações da assessoria de imprensa

Postagens relacionadas

Novo prefeito de Rolândia afirma que vai trabalhar com diálogo e transparência

Cobra News (User)

Justiça determina bloqueio de mais de R$ 8 milhões em bens de Francisconi e empresa de transporte

Deputado Cobra Repórter pede urgência na duplicação da PR-445 até Mauá da Serra

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais