O Portal do Norte do Paraná
Policial

Homem é morto durante confraternização em Apucarana

Um homem de 33 anos morreu após levar um tiro no rosto, na madrugada deste domingo (10), em Apucarana (PR). De acordo com a Polícia Civil a vítima estava em uma confraternização quando foi atingida, na Rua João Batista Judai, no Distrito do Pirapó, quando foi atingida.

Testemunhas relataram à polícia que participavam de uma confraternização e que a vítima ouviu disparos de arma de fogo vindos da casa vizinha. Curioso, a vítima subiu em um suporte para botijão de gás para tentar enxergar o que estava acontecendo por cima do muro, momento que levou um tiro no rosto. Equipes de socorro foram acionadas, mas o disparo foi fatal e o rapaz morreu no local.

“Um fato bastante trágico. A vítima estava com a namorada e um casal de amigos, quando passaram a ouvir disparos e acreditaram no início que se tratava de bombinhas ou fogos de artifício. Na sequência ouviram novos estampidos e isso levantou preocupação nas pessoas e passaram a buscar de onde estava vindo. Foi quando a vítima subiu em um abrigo de botijão de gás nos findos da casa e passou a olhar o que estava acontecendo na casa ao lado, talvez mesmo preocupado com o vizinho. Após ficar cerca de um minuto tentando ver o que aconteceu, ele foi atingido na região da face morreu instantaneamente”, disse o delegado André Garcia, da 17ª Subdivisão Policial.

Segundo o delegado, não houve nenhum tipo de briga ou desavença antes dos disparos. O policial também ressalta que nem a vítima e nem o autor dos disparos têm passagens pela polícia. “Não se tratam de criminosos. Os dois são trabalhadores. Apenas que os moradores da casa onde a vítima foi assassinada já haviam registrado um boletim de ocorrência contra o autor dos disparos. Mas mesmo assim, não há histórico criminal”, informou o delegado.

Na casa do autor dos disparos a polícia apreendeu uma espingarda de pressão modificada para calibre 22 com luneta, escopeta calibre 12, munições calibre 380, 14 munições calibre 22 deflagradas, munições de calibre 12 deflagradas, carregadores de pistola calibre 380 municiados além de11 estojos de pistola calibre 380 deflagrados.

Após fugir do local, o autor dos disparos chegou a falar com a Polícia Militar (PM) por telefone e combinar um local para se entregar, entretanto, ele não compareceu e permanece foragido. “Estamos em diligências, Polícia Militar e Polícia Civil. Provavelmente o autor vai tentar fugir da situação de flagrante, mas a autoria já está cabalmente demonstrada”, afirmou Garcia.

Com informações de TN Online

MAIS INFORMAÇÕES NA RÁDIO COBRA FM 107.1

Postagens relacionadas

Homem perde a vida em acidente de trânsito na BR-369, em Rolândia

Acidente deixa três mortos entre Bandeirantes e Santa Mariana na BR-369

Homem morre em confronto com a PM em Cambé

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais