O Portal do Norte do Paraná
Região

Fatalidade; jovem morre após sofrer infarto em boate de Londrina

Morreu no Hospital Evangélico na tarde de ontem a jovem identificada como Isabella Eduarda Gabriel Guedes Bueno, de 19 anos. Ela tinha problemas cardíacos e sofreu um infarto minutos depois de chegar em uma boate na Avenida Madre Leônia Milito, na Zona Sul de Londrina.

Isabella Eduarda tinha arritmia cardíaca e dois dias antes da fatalidade já reclamava que não se sentia bem. Segundo familiares, ela não havia assimilado o mal estar com a arritmia, e na noite de sexta-feira, depois de apresentar melhora, resolveu sair com os amigos para se divertir. A jovem não tinha histórico de consumo de bebidas alcoólicas, mas ingeriu energético – o que contribuiu para que sofresse o infarto.

Cerca de 40 minutos após chegar na boate, a jovem se sentiu mal, desmaiou e bateu a cabeça. Amigos que estavam com a garota tentaram reanimá-la, e acionaram o Siate que constatou que ela estava em parada cardiorrespiratória. O trabalho de reanimação de Isabella por parte dos médicos levou uma hora e meia, ela foi levada em estado gravíssimo ao hospital, mas na tarde de ontem teve morte cerebral confirmada.

A reportagem procurou uma enfermeira para entender como ocorre esse processo. Em parada cardiorrespiratória, a vítima perde oxigenação no cérebro e precisa ser socorrida rapidamente. Quatro minutos já é o suficiente para que uma pessoa vítima de infarto tenha danos neurológicos irreversíveis. A jovem Isabella passou uma hora e meia nessas condições.

Por volta das 19h o pai de Isabella já havia confirmado o falecimento da filha, entretanto, o hospital ainda informava que ela estava internada em estado muito grave. Isso porque, mesmo após a morte cerebral, a vítima ainda pode manter sinais vitais por aparelhos.

PLANOS INTERROMPIDOS

Ainda segundo informações, a mãe da garota está grávida e precisou ser amparada para receber a notícia do falecimento da filha. Isabella namorava, tinha planos para o ano que vem. Descrita como uma pessoa feliz e do bem, a morte dela chocou os amigos – que se espantaram principalmente pela partida precoce da garota com apenas 19 anos.

O velório e sepultamento dela ocorre no cemitério Jardim da Saudade, na Zona Norte de Londrina.

Via 24 horas Londrina

Outras notícias na programação da Rádio Cultura AM 930

Postagens relacionadas

Londrina: Jovem grávida é internada na UTI com suspeita de dengue, e médicos adiantam parto para salvar bebê um dia antes da morte da mãe

Cobra News (User)

Nota de Falecimento de Luzia Tereza Torezan

Cobra News (User)

Barragem do Igapó ganha iluminação com coloração dourada

Cobra News (User)

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais