O Portal do Norte do Paraná
Paraná

Ex-deputado Roberto Accioli é condenado em júri por crime cometido há 20 anos

O ex-deputado estadual e apresentador de televisão Roberto Aciolli foi condenado a cinco anos e seis meses de prisão em regime semiaberto pela  morte do engraxate Paulo Cesar Heider, com um tiro na nuca, em 1999. A decisão foi tomada após julgamento no Tribunal do Júri, em Curitiba, nesta terça-feira (12). Após nove horas, o conselho de sentença decidiu que Accioli é culpado, mas considerou que foi um homicídio privilegiado, em que Accioli agiu sob violenta emoção.

O ex-deputado confessou à polícia ter matado Heider, na época com 23 anos, com um tiro na cabeça, depois de descobrir que o jovem teria participado do roubo de uma loja de celulares – que pertencia à mulher de Aciolli. Heider tinha diversas passagens pela polícia.

A defesa do ex-deputado alegava que o tiro não foi intencional e pedia a absolvição, porém, ao final do júri, o advogado Nilton Ribeiro saiu satisfeito e considerou o resultado uma vitória.

“Depois de 20 anos, este resultado foi uma vitória porque o júri considerou que o homicídio não foi qualificado, mas sim privilegiado, sob forte emoção, logo após uma injusta provocação da vítima. Ao meu ver esta pena está prescrita e é o que vamos demonstrar ao juízo”, disse Ribeiro.

O promotor responsável pelo Juri, Marcelo Balzer, também disse estar satisfeito com o resultado. “O que sustentamos é que, diante das provas, ele não merecia ser absolvido, como queria a defesa. Prevaleceu a tese de homicídio privilegiado, numa decisão salomônica do conselho. Mas, ele não foi absolvido e agradecemos os jurados por isso”, comentou.

Há  a possibilidade de que a pena esteja prescrita, já que o crime aconteceu há 20 anos.

 

Outras noticias na programação na programação da Rádio Cultura AM 930.

 

(Via Banda B)

Postagens relacionadas

Estado emitiu 5,4 mil Carteiras do Autista em 2023, número superior a todo o ano de 2022

Cobra News (User)

Tarifas de água e esgoto tem reajuste de 3,76% a partir desta segunda

Paraná registra mais de 23 mil casos confirmados de dengue em uma semana

Cobra News (User)

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais