O Portal do Norte do Paraná
Policial

Acusados de tentar sequestrar Sergio Moro são assassinados na prisão

Dois acusados de tentar sequestrar o senador Sergio Moro (União Brasil) foram assassinados, nesta segunda-feira (17), na penitenciária de Presidente Venceslau, no interior de São Paulo. A suspeita é de que Janeferson Aparecido Mariano Gomes (conhecido como Nefo) e Reginaldo Oliveira de Sousa (chamado de Rê) tenham ligação com o PCC.

Os dois eram réus na Operação Sequaz, que investiga um plano de sequestro contra Moro e outras autoridades. Segundo a CNN Brasil, as mortes ocorreram por volta de 12h30, após a liberação dos presos para o banho de sol.

Ainda, conforme a CNN Brasil, Janeferson foi levado por três detentos para o banheiro, onde foi morto a facadas. Em seguida, Reginaldo foi capturado e executado no pátio da prisão. Após os homicídios, os responsáveis, suspeitos de terem ligação com o Primeiro Comando da Capital (PCC), apresentaram-se e se entregaram à direção do presídio.

Plano de sequestro contra Sergio Moro

A 9° Vara Federal de Curitiba aceitou, em 31 de maio de 2023, a denúncia do Ministério Público Federal (MPF) e transformou em réus 13 acusados de planejar um atentado e sequestro contra o senador Sérgio Moro (União).

O crime, apontaram investigações da Polícia Federal, estava planejado para acontecer no dia das eleições, em outubro de 2022, quando Moro foi ao colégio eleitoral em Curitiba para votar.

Fonte: Ric TV

MAIS INFORMAÇÕES NA RÁDIO COBRA FM 107.1

Postagens relacionadas

Achado de cadáver na cidade de Rolândia

Cobra News (User)

Em Londrina, motociclista e mulher que estava na garupa ficam feridos em acidente

Cobra News (User)

Mulher está desaparecida de Rolândia

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais