O Portal do Norte do Paraná
Policial

Polícia Civil de Apucarana prende fiscais que exigiam propina em posto de combustíveis

A Polícia Civil de Apucarana deve apresentar na tarde desta terça-feira (24), dois fiscais que exigiram propina de uma funcionária do Posto Catedral, no centro da cidade, para não multar o estabelecimento por uma suposta irregularidade. A informação foi confirmada por um dos gerentes do estabelecimento Rodrigo Ducatti.

De acordo com Rodrigo, o trabalho dos fiscais acontece duas vezes por ano. “Esses fiscais não são de Apucarana. Eles vêm de regionais e percorrem diversos municípios fazendo a fiscalização. Com certeza não fui o primeiro com que eles fizeram isso, por isso denunciei, para eles aprenderem e não ficarem impunes”, disse.

Ducatti conta que os fiscais foram atendidos pela gerente do posto. Durante a fiscalização de rotina, eles apontaram uma suposta irregularidade na vazão do combustível, e anunciaram uma multa de 15 mil reais. “Depois de anunciar a multa, eles pediram uma ‘ajuda’ de mil reais para não aplicar a infração. Minha funcionária me ligou e informou o que estava acontecendo. Eu autorizei o pagamento de 500 reais e acionei a polícia. Toda a ação foi filmada pelas câmeras de segurança do posto. A polícia veio rapidamente, viu as imagens e entendeu que se tratava de extorsão, por isso, levou os dois fiscais para a delegacia”, explica.

Ainda de acordo com o proprietário do posto, a suposta irregularidade de vazão de combustível não foi confirmada. “É importante dizer que não havia nenhuma irregularidade nas bombas”, afirmou.

A Polícia Civil está realizando as oitivas a respeito do caso e ainda nesta tarde deve realizar a apresentação dos fiscais que foram presos à imprensa.

Informações: TN Online

Foto ilustrativa

Outras notícias na programação da Rádio Cultura AM 930

Postagens relacionadas

PM apreende várias armas em residência na zona sul de Londrina

Cobra News (User)

Motociclista bate em carro e fica ferido no centro de Londrina

Carga de cigarros avaliada em R$ 100 mil é apreendida pela PRF, no Paraná

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais