O Portal do Norte do Paraná
Policial

Pastor é acusado de estuprar neta durante seis anos

O Ministério Público (MP) denunciou um pastor evangélico de 70 anos por estuprar uma neta, em Colombo, na Região Metropolitana de Curitiba. A vítima, que atualmente tem 16 anos, contou que os abusos começaram quando ela tinha 10 anos. A Polícia Civil também informou que após o caso vir a tona, outras duas jovens denunciaram o pastor. Novos inquéritos foram instaurados para investigar os casos.

De acordo com a denúncia do MP, a neta do pastor revelou o caso para a mãe em 2017. A vítima e o irmão mais velho costumavam ficar na casa do avô enquanto os pais participavam de compromissos em eventos da igreja. Após um tempo, a mulher alegou que notou mudanças no comportamento da filha, que passou a ter acompanhamento psicológico.

A igreja onde o acusado atuava disse que ele era um pastor auxiliar e não o responsável. Ainda conforme a igreja, o pastor pediu afastamento das funções na comunidade, alegando motivos pessoais.

O pastor responde pelo crime de estupro de vulnerável, no processo que está em segredo de Justiça.

(Com informações do Portal G1)

Postagens relacionadas

Polícia conclui inquérito da morte de duas irmãs a facadas no norte pioneiro

Bolsonaro concede indulto de Natal a policiais

Advogado é preso após tentar retirar carro apreendido no pátio do Detran

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais