O Portal do Norte do Paraná
Entretenimento

Com síndrome rara, Céline Dion faz aparição surpresa no ‘Grammy 2024’

Céline Dion fez uma aparição surpresa no Grammy 2024, na noite deste domingo (4). A artista subiu ao palco para anunciar o prêmio de melhor álbum do ano — vencido por Taylor Swift, com “Midnights”.

Em 2022, Céline Dion revelou que foi diagnosticada com a síndrome de stiff-person, ou síndrome da pessoa rígida. Já no fim do ano passado, a irmã dela afirmou que a cantora tinha perdido o controle dos músculos.

Durante a premiação do Grammy, Céline entrou no palco andando ao som de “The Power of Love”. A cantora foi ovacionada pelo público e aplaudida de pé.

A síndrome neurológica a qual Céline foi diagnosticada causa rigidez nos músculos e espasmos dolorosos. Devido à doença, a artista cancelou oito shows de 2023 e adiou uma parte deles para 2024.

Desde que o diagnóstico foi revelado, a cantora fez poucas aparições públicas. Recentemente, ela anunciou a produção de um documentário sobre a vida dela, chamado “I Am: Céline Dion”.

“Estes últimos anos têm sido um grande desafio para mim, a jornada desde a descoberta da minha condição até aprender como conviver e lidar com ela, mas não deixar que isso me defina”, disse em comunicado.

Com informações:G1

MAIS INFORMAÇÕES NA RÁDIO COBRA FM 107.1

Postagens relacionadas

Cézar Filho de saída da Record?

Cobra News (User)

Juliette anuncia rompimento de contrato com empresa de Anitta após acusação de plágio

Cobra News (User)

Presença de Madonna em comercial aumenta especulação sobre a vinda da cantora para o Rock in Rio

Cobra News (User)

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais