O Portal do Norte do Paraná
Esporte

Antony é desconvocado da Seleção Brasileira em meio a investigação por agressão

O atacante Antony, do Manchester United, foi desconvocado da Seleção Brasileira nesta segunda-feira (4) em meio à investigação sobre a suposta agressão contra sua ex-namorada, a DJ e influenciadora Gabriela Cavallin.

Para o lugar do jogador, o técnico Fernando Diniz convocou Gabriel Jesus, do Arsenal, que fará parte do grupo para os jogos contra Bolívia e Peru, pelas duas primeiras rodadas das Eliminatórias para a Copa do Mundo. O atacante dos Gunners marcou na vitória da equipe sobre o United no fim de semana, pela Premier League.

“Em função dos fatos que vieram a público nesta segunda-feira (04/09), envolvendo o atacante Antony, do Manchester United, e que precisam ser apurados, e a fim de preservar a suposta vítima, o jogador, a Seleção Brasileira e a CBF, a entidade informa que o atleta está desconvocado da Seleção Brasileira”, afirmou a CBF em nota.

Nesta segunda, o portal UOL divulgou fotos, vídeos e prints de supostas conversas entre Antony e Gabriela que confirmariam a agressão.

Por conta da acusação, o atacante passou a ser investigado pela Polícia Civil de São Paulo. O inquérito policial foi instaurado pela 5ª Delegacia de Defesa da Mulher.

Antony nega as acusações de agresão contra Gabriela Cavallin. Empresário do atleta, Júnior Pedroso se pronunciou sobre o caso por meio de um comunicado enviado à CNN.

“O que se pode observar é que ela aparece na mídia sempre nos momentos que ela sabe que pode prejudicar o Antony. Como no dia da convocação para Seleção Brasileira e agora no momento da apresentação. Mas os fatos expostos são os mesmos que estão sendo tratados no processo investigatório”, afirmou Pedroso.

A DJ e influenciadora respondeu à defesa do empresário.

“Ele [Antony] vai tentar tirar minha credibilidade de qualquer forma, mas eu não vou deixar. Ele sabe tudo que fez comigo. Não é à toa que ele sempre quebrava meu celular para tirar todas as provas que eu tinha. Já quebrou três celulares meus quando falei em denunciar ele”, disse Gabriela à CNN.

CNN

MAIS INFORMAÇÕES NA RÁDIO COBRA FM 107.1

Postagens relacionadas

Brasil estreia no Pré-Olímpico de futebol com 1 a 0 sobre a Bolívia

Cobra News (User)

Abel Ferreira renova contrato com o Palmeiras até 2025

Cobra News (User)

Judô brasileiro faz melhor campanha da história em pan-americanos

Cobra News (User)

Deixe um comentário

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Vamos supor que você esteja de acordo com isso, mas você pode optar por não participar, se desejar. Aceitar Leia mais