A Notícia Certa!

Home  ›  Notícias  ›  Paraná  ›  Mais de 500 remédios estão em falta no Paraná e não há prazo para fim da crise

Mais de 500 remédios estão em falta no Paraná e não há prazo para fim da crise

Publicado em: 11 maio 2022

Curta nossa página no Facebook e fique por dentro dos fatos que acontecem em todo Paraná.

As farmácias do Paraná registram a falta de medicamentos, principalmente em Curitiba e nas grandes cidades do Estado, como Londrina, Maringá e Foz do Iguaçu.

Estão faltando medicamentos para o tratamento de diversas doenças, mas, devido à alta demanda, os remédios para síndromes respiratórias em crianças são os que mais “desapareceram” das prateleiras nos últimos dias.

Segundo o presidente do Sindicato do Comércio Varejista de Produtos Farmacêuticos (Sindifarma), Edenir Zandoná Jr, estão em falta no Paraná 500 remédios.

Entre eles estão os antibióticos mais receitados pelos pediatras, como Amoxilina, Clavulin BD suspensão 400 gramas, Cefalexina, medicamentos para inalação, como Clenil A e Pulmicort 0.25 e 0.5, e até mesmo antitérmicos, como Dipirona, além de colírios, antiinflamatórios e analgésicos.

A indústria farmacêutica brasileira tem encontrado dificuldade de importar insumos da China e da Índia, os maiores produtores do setor. O lockdown na China devido aos novos casos de Covid e a guerra entre a Rússia e Ucrânia têm dificultado a produção e a logística de distribuição dos insumos, porque vários portos estão fechados.

Com informações:Bem Paraná

MAIS INFORMAÇÕES NA RÁDIO COBRA FM 107.1

APOIO

SOBRE

No Portal Cobra News você acompanha as últimas notícias do Paraná, do Brasil e do mundo. Só aqui você encontra informação com credibilidade sobre cultura, política, educação, policial, variedades e muito mais.

Cobra News, a notícia certa!

Sistema Cobra de Comunicação:

NOTÍCIAS

CLUBE DE OFERTAS

FALE CONOSCO

Preencha o formuário abaixo para falar com nossa equipe. Ou se preferir envie sua mensagem via WhatsApp para o número: (43) 99924-1071




© 2020 Cobra News - Todos os direitos reservados.