A Notícia Certa!

Home  ›  Notícias  ›  Região  ›  Londrina: Campanha quer ajudar vítima de tentativa de feminicídio

Londrina: Campanha quer ajudar vítima de tentativa de feminicídio

Publicado em: 9 abr 2021

Curta nossa página no Facebook e fique por dentro dos fatos que acontecem em todo Paraná.

Familiares e amigos da Cidnéia Aparecida Mariano da Costa, de 35 anos, vítima de tentativa de feminicídio em abril de 2019, estão realizando uma campanha para arrecadar dinheiro em prol da melhora da qualidade de vida dela. O objetivo é arrecadar R$ 20 mil para a compra de uma cama hospitalar e de um colchão especial e a realização de obras de adaptação na casa onde Néia, como é chamada, vive.

Devido ao crime cometido pelo ex-companheiro, Néia ficou tetraplégica, acamada, e sem poder falar. Ela precisa de cuidados 24 horas por dia. Segundo Silvana Mariano, irmã de Néia, o valor vai garantir mais conforto tanto para a vítima quanto para os cuidadores. “Ter em casa uma pessoa nas condições da minha irmã impacta a vida de todos que moram ali. Por isso, essas melhorias vão impactar tanto a vida dela – já que ela vai ficar em uma cama mais adequada, vai ter espaço para se locomover na maca ou na cadeira de rodas – quanto na de quem cuida, facilitando a rotina”, explica.

A campanha foi lançada no início desta semana e pretende se estender até o começo da semana que vem. Silvana comenta que o prazo curto é para tentar providenciar tudo da maneira mais rápida possível. “São necessidades urgentes e que já foram adiadas por muito tempo devido a outras prioridades. Mas, neste momento, nossa intenção é fazer com que tudo aconteça de maneira rápida para atender a Néia o mais breve possível. Até porque, mesmo tendo o dinheiro, ainda vamos precisar nos organizar. Uma obra não fica pronta de um dia para o outro e a cama também deve demorar uns dias para chegar. Queremos possibilitar mais conforto para Néia o mais rápido possível”, diz.

Como ajudar

Uma conta corrente foi aberta em nome de Fernanda Viotto, uma das organizadoras da campanha, para receber as doações. Além disso, também é possível fazer uma transferência por meio do Pix. As doações podem ser feitas a partir de qualquer valor.

Os dados da conta são: Banco Santander, agência 4294, conta corrente 01075330-8, em nome de Fernanda Simões Viotto Pereira, CPF 014.511.719-78. Já a chave Pix é o email ajudeaneia@gmail.com.

Relembre o caso

Na época do crime, que aconteceu em 08 de abril de 2019, Néia buscava há dias, amigavelmente, romper a relação com o então companheiro. Por não concordar com o fim do relacionamento, Emerson Henrique de Souza tentou matar Néia asfixiada. Achando que tinha conseguido cometer o crime, abandonou o corpo dela em uma estrada rural na Zona Norte de Londrina.

Ela foi encontrada ainda com vida e encaminhada ao hospital. Porém, devido à falta de oxigênio no cérebro decorrente da asfixia que sofreu, ela ficou com severas sequelas neurológicas. Hoje, Néia está tetraplégica, acamada, e sem poder falar.

No início deste ano, a justiça determinou a data do júri popular do acusado para o dia quatro de fevereiro. Em uma sessão que durou mais de 12 horas, Emerson Henrique de Souza foi condenado a 23 anos e 10 meses de prisão em regime fechado pela tentativa de homicídio contra a ex-companheira.

Com informações:Tem Londrina

Mais informações na programação da Rádio Cultura AM 930

APOIO

SOBRE

No Portal Cobra News você acompanha as últimas notícias do Paraná, do Brasil e do mundo. Só aqui você encontra informação com credibilidade sobre cultura, política, educação, policial, variedades e muito mais.

Cobra News, a notícia certa!

Sistema Cobra de Comunicação:

NOTÍCIAS

CLUBE DE OFERTAS

FALE CONOSCO

Preencha o formuário abaixo para falar com nossa equipe. Ou se preferir envie sua mensagem via WhatsApp para o número: (43) 99924-1071




© 2020 Cobra News - Todos os direitos reservados.